Viajar com crianças: 5 dicas que podem te ajudar

Tempo de leitura: 5 minutos

Depois de um ano de pandemia, quase esquecemos como é viajar com crianças, mas neste verão milhares de famílias estão se preparando para reviver essa experiência. 

Assim sendo, para ajudar você a entender mais sobre como viajar com crianças, eu preparamos o artigo de hoje sobre o assunto. Ficou interessado em saber mais? Então acompanhe agora mesmo!

Leia o artigo: “Os impactos da pandemia no desenvolvimento infantil”.

5 dicas úteis ao viajar com crianças

Viajar com crianças. Mãe e filhas fazendo atividades juntas nas férias, conhecendo novos lugares

Que as crianças ditam rotinas e condicionam nosso estilo de vida é bem conhecido, mas, apesar disso, viajar com crianças é uma experiência familiar incomparável. 

No entanto, muitas famílias sacrificam viagens por medo de acabar estressadas ao viajar com crianças ou ter algum acidente com elas fora de casa.

Na verdade, as crianças podem viajar desde o nascimento e, embora seja necessário tomar precauções, organizar-se bem e adaptar os planos às suas necessidades, não há sérios inconvenientes que possam nos causar um impedimento quando se trata de aproveitar nossas férias em família com elas.

O truque para fazer tudo correr bem é levá-los em conta ao planejar toda a viagem. As dicas a seguir nos ajudam a garantir que nossa tão esperada viagem seja um sucesso:

Escolha um destino familiar de acordo com suas necessidades

Em primeiro lugar, bom senso e coerência. Existem destinos que não são os melhores para viajar com crianças, não importa o quanto amemos países exóticos ou experiências cheias de adrenalina. 

Talvez não possamos viajar para a Ásia como mochileiros, andar de caiaque com um bebê ou voar de avião por 12 horas seguidas… 

Mas tenho certeza de que há lugares mais próximos e igualmente atraentes que você ainda não conhece! O mundo é muito grande e variado, cheio de belos lugares e locais de interesse.

A primeira coisa em que temos que pensar é que tipo de viagem e estadia melhor se adapta às nossas necessidades. 

Praia ou montanha, vila ou cidade… Em geral, pequenos lugares exigem menos deslocamentos e têm um ritmo de vida mais lento, o que é ideal para famílias com crianças pequenas.

As capitais europeias, por outro lado, oferecem infinitas atrações e são um bom destino turístico para as famílias. 

Leia o artigo: “O aprendizado da segunda língua na primeira infância”.

Tenha organização

Com as crianças a bordo, quanto mais planejada for a nossa viagem, menos espaço daremos às surpresas de última hora. 

Fazer filas desnecessárias ao sol para conseguir ingressos para museus ou atrações é algo que podemos facilmente evitar se viajarmos com todos os nossos ingressos já comprados com antecedência. Da mesma forma, devemos sair de casa com todas as nossas reservas já feitas.

Ebook Segurança nas Redes Sociais, disponível para download

Acomodações, restaurantes, visitas turísticas e atividades devem ser planejadas desde o início da viagem e espalhadas em nosso calendário de férias para que haja espaço e tempo suficientes entre eles para poder se mover confortavelmente de um lugar para outro, podendo descansar entre as atividades e evitando se estressar se surgir algum imprevisto.

Quanto mais jovens as crianças, mais elas exigem atenção e cuidado. Para evitar que a organização da viagem se torne uma tarefa gigantesca, o ideal é dividir o trabalho de planejamento de nossas férias: quem procurará destinos, transportes e acomodações; quem entrará em contato e fará reservas, etc. É assim que tudo vai se tornar mais fácil!

Escolha uma boa acomodação

Quando viajamos com crianças pequenas, não podemos ficar na rua o dia todo. Especialmente se for verão e as altas temperaturas nas horas centrais do dia nos forçam a descansar. 

Um quarto de hotel pode nos sufocar se tivermos que passar muitas horas trancados entre quatro paredes. Por outro lado, casas rurais, apartamentos ou complexos hoteleiros com piscinas, áreas de lazer variadas e atividades infantis são uma boa opção para famílias com crianças.

Apartamentos de férias ou casas de aluguel são, de fato, uma ótima alternativa; porque nos permitem nos sentir em casa. 

Neles, temos mais espaço e podemos economizar no café da manhã, almoço e jantar.

Planeje uma rota tranquila que inclua atividades infantis

Uma família é composta por pessoas de diferentes idades e temos que planejar uma viagem para todos. O que significa que as crianças também contam! 

Os museus são lugares maravilhosos, mas a menos que tenham dinossauros ou sejam interativos, as crianças imediatamente ficarão entediadas neles e começarão a ficar inquietas.

Ao viajar com crianças, é importante localizar pontos de interesse ao longo da nossa viagem que lhes permitam brincar e se divertir. 

Se as crianças já têm idade suficiente para brincar em um parque, é interessante ter áreas verdes ou locais de lazer, bem como restaurantes para crianças (com monitores, atividades ou espaços de lazer), onde eles são levados em conta na organização do espaço e na preparação de menus. 

Envolva os pequenos nos preparativos

Se a idade de nossos filhos já permite que eles desfrutem conosco da emoção antecipada da viagem, podemos mostrar a eles imagens do destino e dos lugares que sabemos que eles vão gostar. 

Ao mesmo tempo, podemos conversar com eles sobre como será o nosso local de férias, sobre a bela casa que teremos lá, sobre as coisas que faremos juntos quando chegarmos (a palavra “juntos” é muito importante para eles) e sobre todas as coisas novas que veremos.

Fazer as crianças imaginarem o quanto todos vão se divertir juntos, as excita e as faz querer conhecer o lugar. 

Não se esqueça de informá-las sobre os meios de transporte que você usará para chegar ao seu destino. Isso evitará confusão e medos, já que há pequenos que podem ficar nervosos ao viajar se não entenderem a situação ou o que está acontecendo bem.

Gostou de saber mais sobre como viajar com crianças? Então não deixe de acompanhar os demais artigos do blog, temos muitas outras novidades para você!

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.