Os Benefícios da Rotina

Tempo de leitura: 4 minutos

Educapais-os-benefícios-da-rotina-1

Toda criança deve ter sua rotina definida e isso é algo que já sabemos, mas como definir uma rotina para elas se temos problemas para definir as nossas?

Vivemos em um mundo onde o improvável e o inesperado acontece constantemente ao longo do dia.

Precisamos ter em mente que a nossa vida serve como um espelho para a vida dos nossos filhos e que em todos os momentos estamos sendo observados por eles.

Eles aprendem com nós e assim crescem, formando a sua personalidade e caráter.

A rotina é um elemento importante no dia a dia da criança, pois dão a elas sentimentos de estabilidade e segurança.

Logo, se passamos a imagem de pais desorganizados, estressados e bagunceiros, como podemos exigir dos nossos filhos o mesmo?

Eu sei dos desafios, pois demorei bastante tempo para me organizar e entender os efeitos da rotina na minha, e consequentemente, na vida da minha filha.

Hoje, compartilho com vocês nesse artigo a minha visão e experiência acerca do assunto para te ajudar a organizar e a entender os benefícios que a rotina traz para o seu filho.

Tenham uma boa leitura! 😀

A construção e participação da rotina

Educapais-os-benefícios-da-rotina-2

Toda criança precisa de uma rotina estabelecida para que possa desenvolver noções de tempo e espaço.

Ao criar uma rotina para o seu filho é legal, caso ele tenha idade para isso, fazer com que ele participe da criação, tornando-o autor ou co-autor na criação das atividades.

Pode parecer estranho, mas sempre que alguém diz para nós que precisamos fazer algo sem a percepção de que não fomos nós mesmos que decidimos, nos sentimos repelido a fazê-lo.

Isso é bastante normal e é uma caraterística do ser humano. Então por que imaginaríamos que seria diferente com os nossos filhos?

Sempre que envolvemos nossos filhos nesse ciclo de obrigações, mais eles sentirão vontade de fazer e mais eles sentirão que estão fazendo algo importante.

Existem três caraterísticas que eu julgo bastante importante ao definir a rotina do seu filho:

A primeira é o espaço. Preparar um espaço em casa para que seu filho possa executar a sua obrigação é muito importante.

Se você quer que seu filho estude ou faça a lição de casa, não adianta pedir para que ele faça isso no meio da sala, com a família assistindo televisão.

Se possível separe um espaço e marque aquele lugar como o cantinho dos estudos. Isso fará com que a criança cuide e organize o lugar da melhor forma possível para estudar.

Prepare o espaço de forma lúdica para que incentive a criança a executar as atividades propostas por vocês sem distrações e interrupções.

É importante também que a criança nesse momento já comece a criar noções de limpeza e organização.

Devemos estimulá-las constantemente sobre isso. Verificar se a mochila está arrumada, se tudo está em ordem e limpo são deveres que devem ser enraizadas desde cedo.

Outro ponto importante são os horários. Sempre organize uma rotina que seja possível de seguir e mantenha os horários para que as etapas do dia a dia acontecerem regularmente.

É importante estabelecer horários para acordar, estudar, ler e dormir, mas não deixe de reservar horários para diversão e uma horinha para não fazer nada ou escolher o que fazer.

Lembre-se, a constância da rotina diária, levará ao hábito.

Por último, busque o equilíbrio. Por mais que nos esforcemos para garantir que tudo saia conforme o planejado, existirão momentos onde precisaremos ser flexíveis.

Ou seja, em determinados momentos você precisará lidar com as adversidades e os problemas e terá que saber lidar com o inesperado.

Mesmo que você precise quebrar a rotina do seu filho em um determinado dia, não deixe isso se estender por dias, retome o controle da situação e volte a estabelecer as rotinas de antes.

Se você gostou desse material, compartilhe com o seu cônjugeamigos e familiares. Ajude-nos a divulgar o nosso trabalho.

Se você quiser enviar seu próprio relato, contando como você monta a rotina do seu filho, envie um e-mail para contato@educapais.com ou clique aqui.

Teremos o prazer em ler e aprender com a sua experiência!

Quem sabe não compartilhamos sua experiência no próximo post?! 🙂

  • Gabriel Rocha

    Excelente conteúdo! Obrigado por compartilhar.